Pedro Paulo e Alex: a aposta do ano 

28 FEV 2014
28 de Fevereiro de 2014

Aos que não tem muita paciência com artistas novos, peço um minuto da atenção.

O nome deles já apareceu bem mais de uma vez aqui no blog, mas o teor agora é outro.

Se você não é muito ligado na turma mais nova ou se mora em algum estado que não seja o Paraná, talvez você não tenha ouvido falar ainda no nome de Pedro Paulo e Alex.

Eles gravaram o primeiro DVD da carreira no último dia 15, na cidade de Umuarama, de onde começaram a se destacar para depois se espalhar pela região.

A dupla não faz parte dos grandes escritórios que pautam as programações das festas, não contavam até agora com grande força de nenhuma gravadora (fecharam parceria com a Sony), fizeram um DVD justo, modesto, do tamanho deles… mas possuem algo pesado: público.

São dois jovens de 22 e 23 anos (em ordem), carismáticos, com um jeito de cantar bem estranho para os padrões, mas que acertaram em cheio o público universitário de uma forma que ninguém esperava que mais alguém mais fosse acertar.

As músicas são misturas de tudo o que já se misturou com o sertanejo nos últimos anos. Tem besteirol, batida de funk, axé, e até algumas coisas bancando a linha bruta caipirona. O que poderia cair na mesmice dos recentes modismos, resultou em algo que diverte o público de forma diferente.

No ano passado, escrevi que faltava ao nosso meio o surgimento de um nome que não faz parte de nenhuma “panela”, justamente pra balançar esse formato acomodado de lançamento e divulgação de artista.

Tenho a impressão de que eles podem ser esse nome. A força deles na região é impressionante, ainda mais levando em conta que praticamente muita gente que gosta e acompanha o sertanejo ainda nem os conhece.

Com o lançamento do DVD, os próximos passos são as apresentações fora do Paraná. De olho nisso, a dupla não fechou acordo com um dos grandes escritórios artísticos, mas sim diretamente com quem trabalha vendendo shows (Marcos Miotto, Wellington Melo e a CWB).

Quem acompanha o blog sabe que sou muito reticente com a história de que “fulano faz muito sucesso em tal região”, “fulano tá estourado no norte de tal estado” e etc, mas o caso deles, de fato, é diferente.

Vale acompanhar durante o ano. Mesmo aos que não gostam do estilo, a forma com a qual eles estão surgindo é bem interessante.

Abaixo, segue o teaser do DVD, que contou com a direção do André Jacques, dono da Caverna Filmes.

A produção executiva foi de Mário Magalhães, e a produção geral de Fábio Borges.

                                                         *Fotos: Maurício Antônio
Autor: André Piunti - Blog Universo Sertanejo
Voltar